Amélia de Aguiar Andrade

Investigadora responsável do ROSSIO

Amélia Aguiar Andrade é Professora Catedrática no Departamento de História da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e diretora da Biblioteca Mário Sottomayor Cardia e dos Centros de Documentação dessa instituição. Representante de Portugal como National Coordinator no DARIAH, é também investigadora no Instituto de Estudos Medievais.

Daniel Alves

Representante das Unidades de Investigação da NOVA FCSH

Daniel Alves é Professor Auxiliar no Departamento de História da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, investigador no Instituto de História Contemporânea e no Instituto de Estudos de Literatura e Tradição. Membro fundador da Associação das Humanidades Digitais, é consultor em projetos na área da aplicação de metodologias digitais à investigação histórica.

Helena Neves

Representante da Câmara Municipal de Lisboa

Helena Neves é chefe de divisão do Arquivo Municipal de Lisboa. Formada em História pela Universidade de Coimbra, com pós-graduação em Ciências Documentais pela mesma universidade. Iniciou a sua atividade profissional em 1989, no Arquivo da Câmara Municipal de Lisboa, onde assumiu a função de direção em 2017.

Teresa Barreto Borges

Representante da Cinemateca Portuguesa – Museu do Cinema

Teresa Barreto Borges é licenciada em Comunicação Social pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, pós-graduada em Ciências Documentais pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Em fevereiro de 1993, integra a equipa do Centro de Documentação e Informação da Cinemateca, serviço que coordena desde junho de 1998.

Cátia Carvalho

Representante da Divisão de Bibliotecas e Documentação da Faculdade de Ciências Sociais da Universidade Nova de Lisboa

A disponibilizar brevemente.

Silvestre Lacerda

Representante da Direção-Geral dos Livros, Arquivos e Bibliotecas

A disponibilizar brevemente.

Deolinda Folgado

Representante da Direção-Geral do Património Cultural

Deolinda Folgado é doutorada em História, especialização em Arte, Património e Restauro, pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, onde lecionou. É Investigadora Associada do Instituto de História de Arte e Investigadora Integrada no Instituto de História Contemporânea da NOVA FCSH. Atualmente desempenha funções como Chefe da Divisão do Património Imóvel, Móvel e Imaterial e do Forte de Sacavém.

João Vieira

Representante da Fundação Calouste Gulbenkian

João Vieira é licenciado em História pela NOVA FCSH e pós-graduado em Ciências Documentais – Arquivos pela FL-UL. Atualmente é o Diretor da Biblioteca de Arte e Arquivos da Fundação Calouste Gulbenkian. Entre 2007 e 2014 foi diretor do SIPA – Sistema de Informação para o Património Arquitetónico (Forte de Sacavém).

Cristina Faria

Representante do Teatro Nacional D. Maria II

Cristina Faria é licenciada em História pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, mestre em História dos Séculos XIX e XX (secção do século XX) pela mesma faculdade e pós-graduada em Ciências Documentais pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Em 2009 integra a equipa do TNDM II e assume a Direção de Documentação e Património, serviço que coordena desde 2010. Investigadora no Instituto de História Contemporânea da NOVA FCSH.